virado à paulista

São Paulo, janeiro de 2018 – No próximo dia 25, a cidade de São Paulo celebra seus 464 anos. Na terra da garoa, é possível encontrar todo o tipo de comida, desde pratos de botecos até petiscos gourmet. A capital oferece tantas opções gastronômicas que, às vezes, a tradicional culinária paulistana é esquecida. Para comemorar essa data especial, a dica do Comitê Umami é o Virado à Paulista.

Inspirado na culinária rural, o prato é tradicionalmente encontrado às segundas-feiras nos cardápios dos restaurantes da cidade e traz o umami – um dos cinco gostos básicos do paladar humano. Além de deixar a preparação ainda mais saborosa, o umami garante benefícios à saúde, como o auxílio na digestão de proteínas, a redução de sódio e a manutenção da higiene bucal.

Confira o modo de preparo no Portal Umami. 

Virado à Paulista

Ingredientes

Virado de feijão

meia xícara (chá) de bacon picado
1 dente de alho picado
meia cebola picada
1 xícara (chá) de farinha de mandioca
4 xícaras (chá) de feijão cozido (2 xícaras de grãos e 2 xícaras de caldo)
meia colher (chá) de sal
1 colher (sopa) de salsa picada

Bisteca

2 colheres (sopa) de azeite de oliva
1 colher (sopa) de suco de limão
1 colher (chá) de sal
1 colher (chá) de raspas de casca de limão
500 g de bisteca suína

MODO DE PREPARO

Prepare o virado

Frite o bacon em sua própria gordura, junte o alho e a cebola, e refogue até dourarem.
Acrescente a farinha de mandioca e mexa até tostar ligeiramente.
Adicione os grãos e o caldo de feijão, o sal, e misture delicadamente.
Junte a salsa, retire do fogo e reserve.

Prepare a bisteca

Em uma tigela pequena, misture 1 colher (sopa) de azeite, o suco de limão, o sal e metade das raspas de limão, regue as bistecas e deixe tomar gosto por 30 minutos, na geladeira.
Em uma frigideira grande, coloque o azeite restante e leve ao fogo alto para aquecer.
Junte as bistecas, aos poucos, e frite por 2 minutos de cada lado, ou até dourarem.
Retire do fogo, salpique as raspas de limão restantes e sirva em seguida, acompanhada do virado e couve refogada.

UMAMI
É o quinto gosto básico do paladar humano, descoberto em 1908 pelo cientista japonês Kikunae Ikeda.  Foi reconhecido cientificamente no ano 2000, quando pesquisadores da Universidade de Miami constataram a existência de receptores específicos para este gosto nas papilas gustativas. O aminoácido ácido glutâmico e os nucleotídeos inosinato e guanilato são as principais substâncias Umami. As duas principais características do Umami são o aumento da salivação e a continuidade do gosto por alguns minutos após a ingestão do alimento. Para saber mais, acesse www.portalumami.com.br.

INFORMAÇÕES PARA IMPRENSA
Race Comunicação
(11) 2548-0720 / 2894-5607
Evelyn Spada e Wilson Barros
umamiteam@agenciarace.com.br