São Paulo, dezembro de 2017 – O Natal já está chegando e é hora de começar a organizar os preparativos para a reunião e a ceia junto aos familiares. Para uma data tão especial, nada melhor que um cardápio bem elaborado, assim todos os convidados se sentirão muito mais à vontade.

Neste ano, o Comitê Umami traz uma opção saborosa: Salada na Cestinha. A preparação pode ser servida como uma entrada para os convidados, que serão surpreendidos pelo umami – um dos cinco gostos básicos do paladar humano – presente no queijo parmesão e nos tomates. As características principais que indicam a presença do umami, o aumento da salivação e o prolongamento do gosto do alimento por mais tempo na língua, proporcionam uma experiência gustativa inesquecível, ideal para a noite de Natal.

Confira o modo de preparo:

Salada na Cestinha

Ingredientes

3 xícaras (chá) de queijo parmesão ralado grosso (180 g)

6 folhas de alface americana rasgadas (75 g)

6 tomates-cereja, cortados em 4 partes iguais (50 g)

1 beterraba pequena ralada (80 g)

Molho

meia xícara (chá) de maionese light (50 g)

2 colheres (sopa) de leite (25 ml)

1 dente de alho médio espremido (2 g)

meia colher (chá) de sal (3 g)

Modo de Preparo

No fundo de uma frigideira pequena, espalhe meia xícara (chá) do parmesão ralado grosso e leve ao fogo médio por 2 minutos, ou até começar a dourar.

Retire cuidadosamente, com o auxílio de uma espátula, e vire sobre o fundo de uma tigela pequena ou de um copo.

Deixe esfriar até enrijecer e obter o formato de uma “cestinha”.

Repita o processo com o restante do queijo.

Bata no processador de alimentos, a maionese, o leite, o alho e o sal, até ficar homogêneo.

Distribua a alface, o tomate e a beterraba pelas cestinhas, regue com o molho e sirva.

Dica do Chef: se preferir, ao invés de bater o molho no processador de alimentos, utilize o liquidificador.

UMAMI

É o quinto gosto básico do paladar humano, descoberto em 1908 pelo cientista japonês Kikunae Ikeda. Foi reconhecido cientificamente no ano 2000, quando pesquisadores da Universidade de Miami constataram a existência de receptores específicos para este gosto nas papilas gustativas. O aminoácido ácido glutâmico e os nucleotídeos inosinato e guanilato são as principais substâncias Umami. As duas principais características do Umami são o aumento da salivação e a continuidade do gosto por alguns minutos após a ingestão do alimento. Para saber mais, acesse portalumami.com.br e acompanhe também pelas redes sociais facebook.com/GostoUmami e instagram.com/ogostoumami.

INFORMAÇÕES PARA IMPRENSA

Race Comunicação
(11) 2548-0720 / 2894-5607
Rodolfo Zanchin – Rogério Artoni
umamiteam@agenciarace.com.br