Está com aquela sensação de inchaço no corpo? Veja 4 alimentos que podem ajudar a amenizar esse sintoma!

Basta exagerar na comida ou na bebida alcoólica para o corpo responder com um alerta: o inchaço. A retenção anormal de líquido entre os tecidos do corpo, conhecida entre os médicos como edema, é notada especialmente nos braços, pés, no tórax, pescoço e, inclusive, nos lábios e na língua.

Veja também: Cinco alimentos para aliviar os sintomas da TPM

Como os nossos vasos sanguíneos não são impermeáveis e possuem poros, ocorre sempre uma entrada e saída de células, bactérias, proteínas e água. Porém, em alguns momentos, essa liberação de água dos vasos sanguíneos acontece em excesso e acaba se aglomerando em algum tecido corporal.

Muitas vezes o inchaço é causado por uma dieta rica em sódio ou repleta de alimentos constipantes, podendo ser reflexo de alterações hormonais – no caso das mulheres esse sintoma é muito comum durante a TPM – e, até mesmo, na gravidez. Nessas situações, uma dieta balanceada e exercícios físicos são capazes de solucionar o problema.

A grande questão é que o inchaço permanente pode ser um indicativo importante de como vai a sua saúde, dando indícios de algumas alterações patológicas graves como: insuficiência vascular, hipotireoidismo, hipertensão arterial e mau funcionamento dos rins, fígado e coração. Por isso, é sempre importante ficar atento aos sinais que seu corpo emite.

Quando a retenção de líquidos passa a ser uma preocupação, ela vem acompanhada de dor, calor ou vermelhidão na região inchada. O abdômen tem um crescimento significativo, com a sensação de estufamento. Ainda é possível notar cansaço ou falta de ar em atividades cotidianas.

Nesses casos, é importante procurar um especialista para avaliar mais profundamente esses sintomas. Mas, tanto nos casos brandos quanto nos mais severos, a alimentação pode dar aquela ajudinha.

Por isso, separamos 4 alimentos que auxiliam na redução da sensação de inchaço:

Chá verde – a bebida, além de gostosa e umami, tem catequinas (fitonutriente que tem ação termogênica e antioxidante) que estimulam a flora intestinal, ajudando no trabalho da digestão. Ainda, acelera a atividade hepática (aumentando o metabolismo dos lipídios), o que estimula a desintoxicação do organismo.

Aspargos – além de umami, os aspargos têm inulina, fibra prebiótica não digerível que estimula o crescimento de bactérias probióticas no intestino – ambas contribuem para o bom funcionamento da flora intestinal. Dessa maneira, ele ajuda a evitar o acúmulo de gases, que pode ser uma das causas da sensação de inchaço.

Banana – a fruta é rica em potássio, substância química que auxilia na eliminação do excesso de sódio no organismo, uma das causas do inchaço.

Água e água de coco – hidratar-se é a palavra chave para quem sofre com inchaço. As águas ou os alimentos hídricos como melancia e pepino estimulam o fígado a trabalhar corretamente, fazendo um detox do organismo.

E lembre-se: evite o consumo excessivo de sódio.

Veja aqui se você está exagerando na hora de preparar algumas refeições.